Secretaria 13h às 18h segunda à sexta
Culto 9h30 domingo
Santa Ceia no 1º culto do mês
Escola Bíblica 11h domingo
Reunião de Oração 14h30 quintas

MISSÃO: Anunciar o Evangelho transformador de Jesus Cristo que traz vida nova a todos

VISÃO: Ser uma Igreja relevante, vivendo o Evangelho em comunidade e contribuindo para o crescimento do Reino de Deus

VALORES: Acolhimento, Relacionamentos, Serviço, Missões

Segunda, 24 Setembro 2018 12:05

Vencendo a covardia - Josué 14:6-15

Written by Jefferson Martins
Rate this item
(0 votes)

“Os meus irmãos israelitas que foram comigo fizeram o povo desanimar-se de medo. Eu, porém, fui inteiramente fiel ao SENHOR, o meu Deus” (Josué 14:8)

Logo no início do êxodo do povo hebreu, Moisés envia espias às terras de Canaã (Nm 13 e 14). Tratava-se de um grupo de 12 homens provenientes das 12 tribos de Israel. A intenção de Moisés era que eles fizessem um levantamento da situação da terra a qual iriam possuir. Ao voltarem, eles deram um relatório pessimista e incrédulo a respeito de algo do qual o Senhor já havia decretado. Calebe e Josué ainda tentaram convencer o povo a lutar pela posse da terra, mas eles ficaram tomados de medo e incredulidade. Deus não volta atrás em seus decretos, porém, a atitude de covardia deles resultou na ira de Deus, que retardou a sua promessa em 40 anos e a transferiu para os filhos deles. Daquele povo, apenas Josué e Calebe entrariam na terra prometida. Depois de passarem 40 anos no deserto, finalmente, Josué conduziu o povo do Senhor para Canaã. Então, Calebe vai até Josué e pede sua herança: possuir Hebrom.

A vida está cheia de pessimismo. Os relatórios da mídia não são os melhores e os jornais e as TVs, trazem notícias que nos desanimam a alma. Há muito negativismo nas pessoas. Vemos jovens desanimados em estudar por que acham que não terão emprego. Pessoas se matando por que acham que não tem mais solução para os seus problemas. Cada dia, mais pessoas abrem mãos de seus sonhos, seus ideais, seus ministérios, suas famílias, de si mesmas, porque diariamente recebem mensagens negativas em relação às suas vidas.

Quando o negativismo tomou conta de todos, Calebe falou positivamente. Calebe se confessa rejuvenescido pelas promessas de Deus (v.11,12). Fora tal promessa que mantivera sua força e combatividade durante todos esses anos (Dt. 1:35-36).

“Agora pois, dá-me este monte de que o Senhor falou naquele dia”. Durante 45 anos Calebe lutara pensando no monte. Toda a sua vida teve um alvo muito claro. Ele se envolvera em muitas campanhas, porém sua mente nunca perdera o objetivo específico do monte do qual o Senhor um dia lhe falara (Nm. 14:22-24).

Mesmo que os relatórios que a vida lhe apresente sejam negativos, não desista e enfrente o Espírito de Covardia – “O Senhor é conosco”. A vida é difícil, e muitas vezes ficamos inibidos pelas dificuldades e lutas diárias. A covardia promove acomodações. Não se acomode, tenha coragem, pois foi por coragem que Josué e Calebe herdaram a promessa (Js. 1:7-9).

A vida de Calebe deve injetar em nós disposição e perseverança. Enfrentado o espírito de covardia que promove rendição desde antes da luta começar. Calebe não teve medo de gigantes, nem de montanhas, porque ele sabia que o Senhor o ajudaria a conquistá-los. Calebe sonhou com a promessa. A minha esperança é que você encontre sua “Montanha”, a referência do seu sonho é a terra prometida

Read 42 times

Igreja Presbiteriana Independente Vida Nova
R. Princesa Isabel, 1123 - Campo Belo - São Paulo - SP - 04601-003
(11) 5542-7131 - Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Horários:
Secretaria 13h às 18h seg à sex
Culto 9h30 domingo
Santa Ceia no 1º culto do mês
Escola Bíblica 11h domingo
Reunião de Oração 14h30 quintas

Parcialmente Nublado

22°C

São Paulo

Parcialmente Nublado
Humidade: 70%
Vento: ESE a 20.92 km/h
Tera 15°C / 28°C Ensolarado
© 2015 IPI Vida Nova. All Rights Reserved. Designed By JoomShaper