Secretaria 13h às 18h segunda à sexta
Culto 9h30 domingo
Santa Ceia no 1º culto do mês
Escola Bíblica 11h domingo
Reunião de Oração 14h sexta

MISSÃO: Anunciar o Evangelho transformador de Jesus Cristo que traz vida nova a todos

VISÃO: Ser uma Igreja relevante, vivendo o Evangelho em comunidade e contribuindo para o crescimento do Reino de Deus

VALORES: Acolhimento, Relacionamentos, Serviço, Missões

Domingo, 26 Novembro 2017 16:16

A base de uma Igreja forte

Written by Pastor Joel Stevanatto
Rate this item
(0 votes)

“… Era um o coração e a alma da multidão dos que criam…” Atos 4.32

Estava olhando alguns textos antigos que escrevi e encontrei esse com a data de 2005. Ele me chamou a atenção pela verdade imutável e que nunca envelhece nele contida, então resolvi trazê-lo novamente para a reflexão da igreja.
Você já parou para pensar no que significa essa frase? Pense um pouco sobre essa unidade de coração e alma, essa parceria de sentimentos existente entre os cristãos da Igreja primitiva.
Eles estavam em concordância! Certamente não eram perfeitos, mas cada um deles aprendeu a aceitar seu irmão como era. Essa aceitação quebrou barreiras fazendo com que a igreja fosse caracterizada por essa comunhão.

Não acredito que o relato bíblico limita-se a contar o que acontecia, antes, entendo que o propósito na inspiração é indicar como deve ser. Com o passar dos tempos muitas coisas aconteceram e alimentar esse tipo de comunhão deixou de ser algo natural, mas fruto de um grande esforço da parte de alguns na igreja. Não deveria ser assim! Os cristãos não deveriam nunca ter contendas entre si, pois se somente ouvissem a Palavra de Deus entenderiam que é melhor sofrer o dano em algumas situações doq eu ter relacionamentos prejudicados por causa da contenda.

Em provérbios 6.16 diz que existem seis coisas que o Senhor odeia e uma sétima coisa que a sua alma abomina. Essa sétima coisa abominada por Deus é: “…o que semeia contenda entre irmãos.” ( Pv.6.19).

Semear contenda é antes de tudo um ato de hipocrisia, pois enquanto nos ocupamos em julgar outras pessoas deixamos de julgar a nós mesmos – comportamento essencial para uma vida cristã sincera diante de Deus. Quando fazemos isso corremos o risco de coar um mosquito, mas deixar passar um camelo ( na sua própria vida), conforme Mateus 23.24.

A Igreja primitiva experimentou um grande avivamento com muitas conversões, libertações e curas e isso era reflexo de uma comunidade que se amava, então Deus acrescentava os que iam sendo salvos e todos seguiam as doutrinas (orientações) dadas pelos apóstolos.

Queremos isso hoje.

Read 199 times

Igreja Presbiteriana Independente Vida Nova
R. Princesa Isabel, 1123 - Campo Belo - São Paulo - SP - 04601-003
(11) 5542-7131 - Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Horários:
Secretaria 13h às 18h seg à sex
Culto 9h30 domingo
Santa Ceia no 1º culto do mês
Escola Bíblica 11h domingo
Reunião de Oração 14h sexta

Parcialmente Nublado

18°C

São Paulo

Parcialmente Nublado
Humidade: 90%
Vento: SE a 22.53 km/h
Sbado 16°C / 23°C Parcialmente Nublado
© 2015 IPI Vida Nova. All Rights Reserved. Designed By JoomShaper